As Viagens Inusitadas da Minha Vida

26
QR business class MUC - DOH B777 fev 2020
QR business class MUC - DOH B777 fev 2020

Todo milheiro que se preze já fez alguma viagem inusitada para conseguir milhas e/ou ter status em programa de fidelidade. Nesses anos em que viajei com mais frequência e com o dólar acessível, diga-se de passagem, tive a oportunidade de ter experiências que a maioria das pessoas que conheço fora desse nicho não têm. Pensando nisso, decidi fazer esse post para descrever rapidamente as viagens mais malucas que fiz.

Jantando em Shanghai

Pois é. No tempo do dólar abaixo dos R$ 3,00, vi uma passagem da AA para Shanghai muito barata e que me daria 50.000 milhas AAdvantage, além de ajudar a manter o Executive Platinum. Como eu estava no meio do semestre de trabalho, não podia ficar muito tempo. Então, fui para a China via EUA e cheguei no meu destino final cerca 4 da tarde. Peguei o Maglev para a estação de metrô e de lá para Nanjing Road.

Cheguei no Sofitel Hyland no finalzinho da tarde. Tomei meu banho, fui pro lounge tomar uns drinks e, de lá, fui comer um pato laqueado.

Executive Lounge Sofitel Hyland
Executive Lounge Sofitel Hyland

Depois dei uma volta no Bund, voltei pro hotel e dormi.

Shanghai Bund
Shanghai Bund

No dia seguinte, tomei meu café e dei uma andada nos arredores. Fiz meu checkout e fui para o aeroporto almoçar no lounge da primeira classe da Air China. Às 16 horas estava partindo rumo aos EUA, e depois, direto para casa.

Comprando um Casaco em Chicago

Era uma 6a feira calma … rsssss. Depois do almoço, peguei meu computador e comecei a ver passagens aleatórias sem nenhum objetivo. De repente, vi uma passagem bate e volta para Chicago por uns USD 300, mas tinha um detalhe: o voo saía em 5 horas. Como eu precisava comprar um casaco de lã, iria para o Japão e Coreia do Sul no mês seguinte, em dezembro, não hesitei e comprei na hora.

Na correria, esqueci que meu passaporte estava no Consulado do Japão, que fechava às 16 hrs. Olhei para o relógio e eram 15:15. Saí que nem uma louca com a mochila nas costas e não olhei para trás. Foi de casa para o consulado, de lá para o aeroporto.

Chegando em Chicago, peguei o metrô, desci na estação dentro da Macy’s. Comprei meu casaco, voltei pro aeroporto e de lá para casa.

Dormindo em Heathrow

Outras dessas passagens super baratas da AA nos tempos de dólar amigo. Mais uma vez estava eu encontrando meios para me manter (ou conseguir) o status Executive Platinum sem nenhum outro objetivo em vista … rsssss.

A AA tem (tinha?) um voo para Londres saindo de Nova York bem cedo – tipo 8 da manhã. É ideal pra gente que chega em JFK cedo, porque a conexão é rápida. E, por conta da diferença de fuso horário, esse voo que sai às 8 da manhã da costa leste americana chega tipo 21:30, 22:00 hrs em Londres.

Cheguei lá, fui para o Sofitel Heathrow – é uma mão na roda porque fica na porta do Terminal 5, fiz um lanche rápido e dormi. De manhã, tomei meu café e fui para o Terminal 3.

Executive Lounge Sofitel Heathrow
Executive Lounge Sofitel Heathrow

Aproveitei e almocei no lounge da First da British Airways. Depois, peguei um dos voos da tarde para NY e de lá voltei direto para casa.

Saudades do Al Safwa, né, minha filha?

A última vez que tinha estado no Al Safwa, o impressionante lounge da Qatar Airways, foi em 2016. Como muitos vão compreender, em meados de 2019 já tinha entrado em síndrome de abstinência … Como iria passar o Carnaval na Europa, decidi fazer um bate e volta entre Alemanha e Qatar para “resolver” três saudades: QSuites na ida entre Munique e Doha, Al Safwa, e First Class no A380 da Qatar Airways. E assim foi …

Al Safwa
Al Safwa

Peguei o voo da tarde de Munique para Doha, passei a noite no Al Safwa – jantei e dormi em um dos quartos. Acordei bem cedo e tomei um maravilhoso café da manhã. Ato contínuo, peguei meu voo de volta para Frankfurt às 8 da manhã.

Agora é a sua vez …

Contem-nos tudo sobre as viagens mais malucas que vocês fizeram na vida!

Quem tiver uma história bem legal de viagem maluca, pode mandar o relato para mim, Claudio ou Paulo que a gente publica o post.