Coronavírus força Gol a reduzir malha doméstica em até 60% e cancelar voos internacionais

3

Coronavírus força Gol a reduzir malha doméstica em até 60% e cancelar todos os seus voos internacionais. Infelizmente, esse é um movimento mais que esperado dadas as atuais circumstâncias.

“Comprometida com a democratização do transporte aéreo, mesmo em cenários desafiadores, a Gol não havia, até então, cancelado qualquer voo doméstico. Todavia, levando em conta o cenário atual, após cuidadosa avaliação, a companhia se deparou com a necessidade de fazer uma adequação em sua malha aérea, sem interrupção de serviço para qualquer destino doméstico”, disse a empresa por meio de nota.

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) estima que a demanda por voos domésticos no Brasil caiu 30% e por voos internacionais 50%.

Voos Internacionais

Inicialmente a empresa informou que manteria alguns voos internacionais, porém ao longo do dia de hoje, 17 de março, a empresa notificou o mercado que irá suspender todos os seus voos internacionais.

Os últimos voos ocorrerão no dia 22 de março entre o Rio de Janeiro e Córdoba e Rosário. A medida, prevista para durar até 30 de junho, tem como objetivo “garantir a segurança de clientes e colaboradores” e “adequar as operações ao novo cenário da demanda por transporte aéreo”, segundo comunicado à imprensa.

Em paralelo ao anúncio das reduções nos voos, a Gol afirma que mantém seus planos de negócios para médio e longo prazos. Além disso, está pronta para ajustar sua oferta de voos de maneira ágil e racional, até que os níveis de demanda de clientes voltem à normalidade.

Algumas Palavras

Como eu disse no início, esse movimento da Gol era mais do que esperado dadas as atuais circunstâncias. Vale notar que dentre as três maiores cias brasileiras a Gol foi quem fez a a maior redução no mercado doméstico.

Para Saber Mais

Clique aqui para ler o anuncio oficial da Gol.

Acesse a nossa central de notícias para ler outras notícias sobre o corona vírus e o impacto na indústria de viagens.