Direto da Europa: Quanto custa o pecado da gula na Itália comparado ao Brasil (Parte 2)?

12
Direto da Itália: Quanto custa o pecado da gula na Itália comparado ao Brasil (Parte 2)?

No Direto da Europa de hoje eu retorno com um polêmico assunto: os alimentos e o seu custo.

No artigo publicado em janeiro desse ano, falamos a respeito de produtos nem um pouco essenciais, como chocolates e bebidas alcóolicas. Após interagir com vocês nos comentários e também com colegas no grupo do WhatsApp, percebi que foi unânime a questão de que os itens abordados eram de fabricação na Europa.

Pois bem, atendendo a sugestões, hoje vamos falar dos produtos básicos essenciais, todos presentes na cesta básica do brasileiro.

Dinâmica

Vamos colocar os itens à mesa e comparar os valores de acordo com o salário base (mínimo) de cada país. Para tornar a dinâmica mais simples, entenderemos o salário base em ambos os países como sendo 1.000, ok?

Para ficarmos mais próximos da realidade, escolhi novamente a rede de Supermercados Carrefour, pois o temos no Brasil e na Itália. Selecionei os produtos de menor valor e não estou considerando eventuais promoções.

Metodologia usada: valor do produto dividido por 1.000 e multiplicado por 100 para expressar o valor em percentagem.

Cesta Básica

Arroz (1kg)

  • Valor na Itália: € 0,95 (0,095% do salário base)
  • Valor no Brasil: R$ 5,09 (0,509% do salário base)

Feijão (1kg)

  • Valor na Itália: € 1,84 (0,184% do salário base)
  • Valor no Brasil: R$ 7,05 (0,705% do salário base)

Informação adicional: o feijão na Itália e em muitos outros países da Europa vem em lata, já cozido (também disponível em grãos crus, claro) e pronto para ser temperado a gosto. Consideramos esse para a comparação dos valores.

Leite (1 litro)

  • Valor na Itália: € 0,55 (0,055% do salário base)
  • Valor no Brasil: R$ 3,49 (0,349% do salário base)

Espaguete (500g)

  • Valor na Itália: € 0,55 (0,055% do salário base)
  • Valor no Brasil: R$ 2,55 (0,255% do salário base)

Farinha de Trigo (1kg)

  • Valor na Itália: € 0,55 (0,055% do salário base)
  • Valor no Brasil: R$ 3,20 (0,32% do salário base)

Óleo de Soja (900ml)

  • Valor na Itália: € 1,39 (0,139% do salário base)
  • Valor no Brasil: R$ 8,20 (0,82% do salário base)

Informação adicional: o óleo na Itália vem na embalagem de 1L (ao invés de 900ml) e geralmente o óleo de girassol é mais econômico quando comparado ao de soja.

Açúcar (1kg)

  • Valor na Itália: € 0,89 (0,089% do salário base)
  • Valor no Brasil: R$ 2,49 (0,249% do salário base)

Café Torrado e Moído (500g)

  • Valor na Itália: € 3,24 (0,324% do salário base)
  • Valor no Brasil: R$ 7,90 (0,79% do salário base)

Ovos (1 dúzia)

  • Valor na Itália: € 2,39 (0,239% do salário base)
  • Valor no Brasil: R$ 7,59 (0,759% do salário base)

Vamos ao Caixa

Ao término de nossas compras virtuais, considerando a “compra” de 1 unidade de cada item acima, iremos desembolsar exatamente:

  • Brasil – R$ 47,59 reais, equivalente a 4,759% do salário base
  • Itália – € 12,35 euros, equivalente a 1,235% do salário base

Algumas Palavras

E aí, como ficou o seu bolso após a compra desses produtos essenciais?

Eu gostaria de deixar claro de que essas informações aqui divulgadas não foram colocadas com o intuito de apontar qual país é o melhor (ou menos pior), tampouco abordar questões políticas.

Note que os valores gastos podem diminuir (ou aumentar) de acordo com a rede de Supermercado que escolhermos e/ou Estado onde iremos fazer as compras. Por último, se vocês tem interesse em ler algum assunto específico aqui no Direto da Europa, deixe sua sugestão nos comentários!

Clique para acessar os nossos Instagrams: Thales e Pontos e Viagens.

Para Saber Mais

Neste link você pode ler outros artigos do Direto da Europa

Maxmilhas