Emitir passagens Smiles com stopover

0

[Muitas pessoas aproveitam suas milhas Smiles para emitir viagens internacionais através das parceiras aéreas do programa. Atualmente o Smiles possui parceria com Aerolineas Argentinas, Air France, Air Canada, Alitalia, Copa Airlines, Delta Airlines, Etihad Airways, KLM, Korea Air, TAP e Qatar.
Para emitir um trecho internacional é bem simples, basta uma busca diretamente no site do Smiles. Para emissões um pouco mais complexas existe a necessidade de ligar para a central de atendimento do cliente e solicitar a emissão do bilhete, o que é o caso do stopover ou viagens com troca de classe tarifária.
Air France Smiles
O stopover significa uma parada intermediária que dure mais de 24h entre a origem e destino da viagem, por exemplo:
Você quer emitir GIG > AMS, então a origem será Rio de Janeiro e o destino Amsterdã. No meio da viagem, caso o bilhete seja emitido pela Air France haverá uma conexão em Paris. Então você resolve que quer ficar 5 dias em Paris e depois seguir viagem para Amsterdã. Neste caso, você faria GIG > PAR (5 dias de stopover) > AMS.
CDG > AMS - Smiles
A grande vantagem de realizar stopovers emitindo seu bilhete pelo Smiles é que você não gasta mais milhas por isso. Então o trecho GIG > AMS que ficaria 50 mil milhas, também ficaria as mesmas 50 mil milhas adicionando a parada de 5 dias em Paris.
A regra do Smiles é simples: o viajante poderá realizar um stopover por viagem desde que ele seja realizado no continente de destino e pela mesma companhia aérea. Caso seja uma viagem de ida e volta, você consegue fazer os dois stopovers no continente de destino. Poderia fazer, por exemplo, GIG > PAR (stopover X dias) > LYS (stopover X dias) > AMS (destino final) > GIG (volta), caso a empresa aérea realize estas rotas e tenha disponibilidade nas datas pretendidas.
Paris > Lyon - Smiles
Lyon > Amsterdã - Smiles
As grandes dificuldades na emissão destes bilhetes são a disponibilidade dos trechos nas datas pretendidas e a solicitação junto à central de atendimento. As passagens emitidas por milhas através do telefone são tarifadas porém as passagens com stopover não fazem parte desta regra, já que este tipo de emissão só pode ser realizada pela central.
Várias pessoas já relataram e já aconteceu comigo também o caso do atendente informar não ser possível emitir os trechos com stopover. A dica é não desistir, caso não consiga da primeira vez, desligue e ligue de novo (tenha paciência).
Quando conseguir falar com um atendente que realmente entenda o que deve ser feito, lembre-se de passar todos os detalhes como empresa aérea, datas de cada viagem, números dos voos e a classe do bilhete (econômica, executiva ou primeira). É interessante anotar datas e voos alternativos também pois caso ocorra algum imprevisto durante a ligação, pode-se sugerir outros trechos ao atendente sem a necessidade de ligar novamente.
Há pouco tempo eu realizei uma emissão com stopover a qual é relatada neste post: Economia financeira com milhas
E você, já utilizou este benefício? Conte nos comentários!