Espanha suspende a entrada de brasileiros para barrar mutação do coronavírus

5
Espanha suspende a entrada de brasileiros para barrar mutação do coronavírus

Devido à mutação do coronavírus surgida em Manaus e para tentar proteger os seus cidadãos, a Espanha irá barrar a entrada de brasileiros no país a partir de amanhã.

A medida passa a valer a partir das 05 horas da manhã (horário de Brasília) do dia 03 de fevereiro e ficará em vigor por 14 dias, podendo ser prorrogada ao término desse período.

Os voos com destino à Espanha só poderão levar passageiros espanhóis ou aqueles que têm residência no país. Passageiros em conexão também estão liberados. A medida é válida também para todos os viajantes provenientes da África do Sul.


Atualização 04-Feb: Segundo informações obtidas por nossos leitores, passageiros em trânsito provenientes do Brasil também terão seu embarque rejeitado.


De acordo com a CNN Brasil, a lista de países que agora estão barrando a entrada de brasileiros inclui: Espanha, Reino Unido, Itália, Alemanha, Portugal, Colômbia e Peru.

No caso particular do Reino Unido, que também teve uma mutação do coronavírus no sul da Inglaterra, além da proibição por parte do governo britânico, há também uma proibição do governo brasileiro que barra os voos entre os dois países.

O governo brasileiro proibiu os voos entre os dois países em fins de dezembro e depois reeditou a portaria no dia 08 de janeiro, mas sem definir qualquer data para o encerramento das restrições.

Itália Prorroga a Proibição de Voos para o Brasil

No dia 16 de janeiro a Itália havia proibido os voos para o Brasil e a medida deveria valer por 14 dias, isto é, até o fim de janeiro. Na ocasião, além de proibir os voos, o governo italiano também impôs as seguintes restrições:

Pessoas que se encontrem em território nacional e que nos 14 dias anteriores a esta portaria tenham permanecido ou transitado no Brasil, ainda que assintomáticas, são obrigadas a notificar imediatamente o Departamento de prevenção pela autoridade sanitária competente para a área e realização de testes moleculares ou antigênicos, a serem realizados por meio de swab”.

Segundo a CNN Brasil, o governo italiano prorrogou a proibição das viagens entre os dois países até o dia 15 de fevereiro.