GOL e Avianca ampliam parceria e resgates são possíveis no Smiles e LifeMiles

6
Smiles - LifeMiles

Depois da GOL e Avianca anunciarem no ano passado acordo de cooperação entre companhias aéreas (codeshare) e planos para seus programas de milhas, o Smiles e o LifeMiles, foi  divulgado no dia 05.11.2020 a ampliação da parceria e novos benefícios:

  • Viajar em ambas as empresas com uma única passagem
  • Despacho de bagagem direto para o destino final
  • Manter a mesma franquia de bagagem em trechos compartilhados

Ressaltando que a aliança se aplica para voos entre Brasil e Colômbia, assim como voos domésticos nos dois países.

Também noticiaram que “implementaram o Acordo de Passageiro Frequente, por meio do qual os participantes dos programas de fidelidade Smiles e LifeMiles poderão acumular e resgatar milhas em voos das duas empresas”, apesar de que já era possível emitir passagens da Avianca na página do Smiles, e da Gol na do LifeMiles, há algum tempo, conforme tínhamos anunciado aqui.

Smiles

Abaixo, exemplo de utilização de milhas Smiles para voar Avianca em econômica ou executiva, sendo que as taxas estão hoje no valor de R$ 24,22:

GOL e Avianca ampliam parceria e resgates são possíveis no Smiles e LifeMiles

Com relação ao acúmulo de pontos voando Avianca e pontuando no Smiles, esta é a tabela, com destaque para o acúmulo extra em razão do status:

GOL e Avianca ampliam parceria e resgates são possíveis no Smiles e LifeMiles

LifeMiles

Considerando que o programa da Avianca utiliza precificação fixa e por região, vejam abaixo a tabela que mostra os pontos necessários e as regiões para voos Gol utilizando milhas LifeMiles. Pode ser verificado ainda que voos internos no Brasil são 6.000 milhas, do Brasil para a América do Sul entre 12.500 milhas e 20.000 milhas, do Brasil para o México e o Caribe 20.000 milhas e para a América do Norte 30.000 milhas:

GOL e Avianca ampliam parceria e resgates são possíveis no Smiles e LifeMiles

No entanto, na simulação realizada, Porto Alegre – Fortaleza, o sistema precificou em 12.000 milhas + $8.80, conforme pode ser verificado no site do LifeMiles:

Lifemiles - Exemplo

Lembrando que pelo regulamento do LifeMiles, existe ainda uma taxa de emissão de $25, o que encarece muito o bilhete.

Quanto ao acúmulo de pontos voando Gol e pontuando no LifeMiles, esta é a tabela:

Lifemiles - Acúmulo

Algumas Palavras

Bom ver novas parcerias e outras possibilidades de uso e acúmulo de pontos, mas, no que se refere as emissões, tirando situações pontuais, não acredito que permitirá grandes resgates.

Utilizando milhas Smiles para voar Avianca entendo que a oportunidade é melhor, já que eventual promoção pode trazer algo atrativo. Também é possível gerar milhas baratas, o que permite resgates mais interessantes mesmo na inflacionada tabela dinâmica praticada.

Com relação ao LifeMiles, a situação é mais complicada, pois a emissão aparentemente mais interessante em pontos (6.000 milhas para voos dentro do Brasil) tem a proibitiva taxa de $25, o que inviabiliza a maioria das emissões, além de existir a questão do site de não honrar o valor de tabela.

Talvez uma viagem para um local como Fernando de Noronha a partir do sul do Brasil possa valer a pena, mas possivelmente a disponibilidade será um empecilho, tanto que não encontrei na simulação que fiz.

Importante ainda ressaltar que a Avianca está em recuperação judicial, e o Livelo não permite mais a transferências de pontos para o LifeMiles, o que também precisa ser considerado.

O que acharam da parceria entre Gol, Avianca e seus programas de fidelidade, o Smiles e o LifeMiles, e das possibilidades de emissões? Consideram aproveitar?

Maxmilhas